Dia Mundial da Alimentação no AEPBS

O estilo de vida dos portugueses tem vindo a mudar e a sociedade tem vindo a adaptar-se a novas realidades. Entre elas estão os novos alimentos, as novas receitas, os mitos e até mesmo as novas modas. Estes factos fazem com que os portugueses se tenham afastado do padrão alimentar saudável, da típica alimentação mediterrânea e, como consequência, o aumento da obesidade, da diabetes e das doenças cardiovasculares, em especial, nas crianças e nos jovens tornou-se uma realidade na nossa sociedade. Sem descurar a importância dos processos de confeção dos alimentos na preservação das suas qualidades nutritivas, a alimentação mediterrânea, apela à diversificação dos alimentos, onde se incluem os frutos, em especial, os locais e da época, os legumes, as hortaliças, a carne, o peixe, os produtos lácteos, a batata, as massas, o arroz, a castanha, o pão e o azeite, como gordura de eleição. Em resumo a cozinha portuguesa tradicional faz parte da alimentação saudável. No dia 16 de outubro, as escolas do AEPBS desenvolveram várias atividades com o objetivo de sensibilizar as comunidades educativas para a importância da alimentação saudável. Em ambiente de sala de aula e nas bibliotecas escolares foi abordada a temática com recurso a materiais de multimédia, ao desenho, a fichas de trabalho, a jogos, a leituras encenadas, bem como a elaboração de lanches saudáveis, onde a fruta esteve presente. Esperamos e desejamos que estes momentos de reflexão dotem as nossas crianças e os nossos jovens com conhecimentos e competências para uma sociedade futura mais saudável e, consequentemente, mais produtiva.


Email